O Adeus de Fifó e Janice

Vou quebrar o meu silêncio para falar destas jogadoras fabulosas.

Tenho de confessar que não consegui conter as lágrimas quando vi esta entrevista porque deu para perceber claramente o quanto este passo lhes está a custar. Dizer adeus custa muito. Muito.

E nós, quando nos sentimos felizes e confortáveis, nunca estamos preparadas para dizer adeus. Então quando se ama e se sente um clube como elas o fizeram e vão continuar a fazer então ainda mais dificil fica.

Se por um lado vou ter umas saudades doidas de as ver a jogar em Portugal, por outro lado, sei que o futsal português vai ter mais duas embaixadoras lá fora, e isso é um motivo de orgulho para todos nós. Todos.

As mulheres, atletas, jogadoras portuguesas tem de ser recompensadas pelo seu valor. Se esse valor não é reconhecido em Portugal, então que o seja lá fora. Que esse talento seja recompesando, porque o esforço, a dedicão, o suor, assim o merecem! E o respeito também.

Um dia elas vão olhar para trás, sorrir, e perceber que este dia foi um dos dias mais importantes das suas vidas. Até que esse dia chegue, superação será uma das palavras mais usadas regularmente. A outra palavra será saudade. Aquela emoção que nos consome com memórias que nos prendem a um passado mas também que nos lembra da determinação que existe em cada uma de nós. Que essa saudade seja o motor de todo um sucesso que está por vir.

O futsal feminino Português tem as melhores praticantes do mundo! Do mundo! E o futuro pertence a vocês miúdas! Vai correr tudo bem!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.